Diário da NAB III: vem aí 8K


Cenário real

Imagem 8 K projetada em tamanho real
As televisões 4K eram mato na NAB Show 2013! Para os iniciados (como eu), basta saber que a televisão 4 K tem quatro vezes mais resolução que a Full HD! Pois elas já estão desembarcando por aqui, como já anunciou o site da Tela Viva, e já há produções brasileiras feitas com suas câmeras.

E já são (quase) águas passadas para a indústria. Bem, exageros à parte, o 8K já é uma tecnologia pronta mas, ao que parece, estará voltada para grande telas.

Por enquanto.

De fato, a experiência é muito maluca. Depois de tanto ver Full HD, 2K, 4K, você acredita que não tem mais como melhorar.

Pois melhora. No stand, havia um cenário com modelos vivas, cheio de detalhes. Do outro lado, a projeção em tempo real. Os desavisados - que, porventura, não viam o cenário - podiam entender que estavam vendo as pessoas realmente, atrás de uma janela.

Me pergunto sempre se não haverá um limite para a nossa percepção visual. Sempre desconfiei, achando que a indústria apenas cria mais do mesmo (ainda mais agora que os fabricantes de TV querem que troquemos de aparelho a cada três, quatro anos, como os notebooks).

Quando comprei um pacote de TV HD, achei que era frescura. Mas hoje percebo que meu olho (para o bem da indústria) já está 'treinado' e já acha as imagens analógicas meio 'borradas'... Será que quando olhar para o 4K, vou ter a mesma sensação sobre o Full HD?

Bem, de qualquer forma, há outras coisas mais importantes para debater sobre isso. Como, por exemplo, o dilema que vive o Japão. Para transmitir em 4K, precisa de mais banda na TV Digital. Como ficam as esperanças das telefônicas em ocupar o espectro que iria 'sobrar' na digitalização da TV? Taí um forte argumento para os radiodifusores não largarem o osso.

Veremos os próximos capítulos deste drama em 4K ou 8K?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Espaço: a fronteira final

Educação é Pop!

Há esperança!